Polícia Civil realiza operação ‘Cidade Limpa’ para localizar bens furtados e apurar tráfico


9401ec66-121d-4457-8f70-c229c4a80e62

Nesta quinta-feira (11), a Polícia Civil realizou a operação “Cidade Limpa”, na cidade de Nova Independência, onde foram cumpridos mandados de busca e apreensão.

O escopo da operação foi de localizar bens furtados e apurar a notícia de tráfico.

Policiais Civis da delegacia de Nova Independência, com apoio de Policiais Civis da DIG, DISE, DDM de Andradina, da Delegacia de Polícia de Castilho e da Delegacia de Polícia de Lavínia realizaram buscas em sete endereços na área urbana e rural do município.

Como resultado das diligências L.M.S.F., de 21 anos, foi preso em flagrante por tráfico de drogas, pois em sua residência foram encontradas maconha a granel, insumos para o preparo de cocaína, cocaína pronta para a venda e R$270,00 reais em dinheiro, além disso foram encontrados em sua residência perfumes furtados e ele confessou sua participação num furto ocorrido recentemente em Nova Independência, o que motivou seu indiciamento por furto qualificado; J.V.B.S., de 26 anos foi conduzido à delegacia, ouvido e liberado, em sua residência foram entrados alguns objetos de origem duvidosa, os quais foram aprendidos em auto próprio para averiguação e posterior entrega às vítimas; J.A.P.L., de 38 anos, foi conduzida à delegacia, ouvida e liberada, mas será processada por favorecimento real, pois confessou que manteve em sua casa um veículo utilizado no mesmo furto citado anteriormente e responderá pelo crime de posse de drogas para consumo pessoal pois em sua casa foi localizada e apreendida pequena quantidade de maconha e N.L.A., de 16 anos, foi conduzido à delegacia, ouvido e liberado, mas responderá pelo ato infracional – posse de drogas para consumo pessoal pois em sua casa foi localizada e apreendida pequena quantidade de maconha, além disso em sua casa foram localizados alguns de origem duvidosa, os quais foram aprendidos em auto próprio para averiguação e posterior entrega às vítimas.

Após o registro das ocorrências L.M.S.F foi encaminhado à Cadeia Pública de Pereira Barreto, onde permanece a disposição da justiça.

Próximo Aos 94 anos, Dorvalina é a primeira idosa de Nova Independência a ser vacinada contra COVID
Anterior Artesp quer a volta dos ônibus que faziam a linha Andradina a Dracena